Últimas

Como adaptar Rebelde Way para os jovens da nova geração?

Rebelde Way surgiu após uma das piores crises econômicas da Argentina, e se tornou o programa de maior audiência da Telefe durante o ano todo. Era o mais assistido, o mais comentado, a ousadia e realidade passada na trama fez com que se tornasse um dos maiores sucessos da teledramaturgia latina.

Estamos falando dos anos 2002 a 2004, onde o grupo formado na trama foi “exportado” e ganhou vida real. Erreway se tornou um fenômeno e o licenciamento de inúmeros produtos fez com que a marca fosse bem lucrativa, não só para a emissora, mas também para a Cris Morena, autora e idealizadora, que conseguiu ter total direito sobre a marca.

O sucesso de Rebelde Way foi tanto, que outros países compraram e começaram a sua própria versão… Primeiro no Brasil, uma versão que seria exibida no SBT em 2004, que teve apenas um piloto gravado e oferecido por uma gravadora a emissora. Mas, optaram por exibir Rebelde, da Televisa, adaptação mexicana.

Outras versões também existiram paralelamente como Remix da Índia, Corazón Rebelde do Chile, Rebelde Way de Portugal e Rebelde no Brasil, adaptado pela Rede Record. Confira algumas fotos:

Hoje, praticamente quase duas décadas após a estréia de Rebelde Way, como o jovem de hoje consumiria? Teria interesse? As diferenças são muitas.

A versão brasileira sendo a última produzida, em 2011, já trazia algumas novidades adaptadas como o uso das redes sociais, cyberbullying, representatividade com protagonista negro e núcleo com família negra rica e bem sucedida. Inclusive foi um fator que rendeu um prêmio a produção. Mas, se perdia pela história… A pressão pela audiência na TV fez com que a trama fosse mais voltada para a “família brasileira”, somada com a falta de conhecimento da equipe em produções infanto-juvenis, não seguir a história original e incluir núcleos sem sentido nenhum fizeram a audiência cair e ser praticamente cancelada em sua segunda temporada.

Hoje nova produção segue sendo produzida, o remake da Netflix tem tudo para ser uma das melhores versões de Rebelde Way. Livre da pressão por números de audiência que a TV pede, a plataforma tem toda liberdade para trazer representatividade, histórias mais complexas e personagens realmente rebeldes.

Pegando as produções mais assistidas da Netflix, já percebemos comparações com o Rebelde Way: história se passando em escola, uniformes marcantes, influência na moda… Estou falando de Riverdale, Control Z, Elite… Essas duas últimas sendo um dos maiores sucessos da língua espanhola e mexicana.

Tudo indica que o novo Rebelde Way está sendo gravado nos Estúdios Churubusco, mesmo local onde foi gravado Control Z, uma das primeiras produzidas pela Netflix e vista por mais de 22 milhões de telespectadores na plataforma. O novo Rebelde Way terá um elenco diversificado, realmente jovem e muito talentoso, como a Andrea, Tessa Ia, Franco, Selene, entre outros, que já cantam na vida real.

O remake de Rebelde Way deve chegar no final do ano. As gravações serão concluídas em Abril, e após isso passa pela edição, criação visual, é entregue a Netflix. Que terá processo de legenda e dublagem, permitindo ser exibida para o mundo todo, diferente das versões anteriores restrita a um país.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *